Natal Vegetariano – como é? (parte 1)

Natal Vegetariano Mesa de Natal Pratos principais

O Natal, assim como outras festas, está muito relacionado com o acto de sentar à mesa e partilhar uma refeição em família. Como tal, a comida é uma parte muito importante desta festa, que é a minha favorita do ano.

Decidi então escrever este artigo para partilhar contigo algumas experiências de como pode ser um Natal Vegetariano 🙂 Como é que os outros reagem? O que costumam comer? Há mais vegetarianos na família?

Estas são algumas das questões que foram respondidas pelas pessoas que aceitaram o desafio (e a quem agradeço muito!)

 

“Olá Diana!! Então, eu sou a única vegetariana da família, eu e minhas filhas. Quando o Natal é aqui em casa, todos comem comida vegetariana, pois não abro excepções na minha própria casa. Quando é na casa da minha família ou na família do meu marido, come-se de tudo e eles têm a preocupação de fazer bastantes coisas que eu possa comer…Ou então, eu mesma me proponho a cozinhar e acabam todos comendo um pouco do que eu faço. Nunca passei nenhum constrangimento em família porque, apesar de nem todo mundo concordar com a minha alimentação, todos respeitam. Quanto ao menu, varia bastante (lasanha, quinoa, moqueca de portobello, risotto de legumes e tofu… Eu gosto sempre de dar preferência à receitas bem saudáveis, com verduras e legumes da estação..”

Beatriz Albuquerque

 

rolinhos de courgette com humus

 

“No meu jantar de Natal somos dois veganos, eu e o meu namorado. As nossas famílias já estão habituadas à nossa alimentação “diferente”. Ponho entre aspas, pois muitas das vezes não o é. É claro que ainda temos de ouvir uma piadinha aqui ou acolá, mas nada que não se ultrapasse. É um jantar pequeno, só com os mais próximos, por isso não há muito por onde fugir. Preparamos os dois as entradas, pelo menos um prato principal e sobremesas a contar com todos, não o fazemos só para nós. O ano passado fizemos um caril como prato principal e todos quiseram comer. A minha mãe gosta de tentar “veganizar” pratos ou sobremesas tradicionais, o que também ajuda à integração. Não somos uma família de tradições, do bacalhau ou do bolo rei, por isso talvez não seja assim tão complicado. O principal é estarmos todos e trocarmos prendas (mais por causa dos miúdos, claro).”

Maria Inês Antunes

 

Natal Vegetariano

 

“Já 2 anos faço jantar natal Vegetarian com família (em Londres) e este ano vai ser o primeiro ano como Vegan.
Usually my nieces and nephews have a lot of questions as to why I am not eating the turkey. As they are young I’m not really allowed by their parents to tell them anything about that yet. So I tell them that when they get older we can talk about that.
This year my Mum has been fantastic she has ordered lots of vegan food. Tofurkey has not yet sold in England, but we have Linda McCartney’s she has a special Christmas selection of traditional Christmas goodies but without hurting any animals! Mini sausage rolls, roast beef and gravy, mince pies , Christmas pudding , Vegan wine and espumante. Chocolate cheese and sweets. There goes my raw plant based diet”

Tradução:
Já há 2 anos faço jantar natal Vegetariano com a família (em Londres) e este ano vai ser o primeiro ano como vegana.
Normalmente, as minhas sobrinhas e sobrinhos têm muitas perguntas sobre por que não estou comendo o peru. Como são jovens, não estou autorizada pelos pais deles a dizer-lhes nada sobre isso ainda. Então digo-lhes que quando forem mais crescidos falamos melhor.
Este ano, a minha mãe foi fantástica, ela encomendou muita comida vegana. Tofurkey ainda não se vende na Inglaterra, mas temos uma selecção especial de pratos deliciosos tradicionais de Natal da Linda McCartney, e sem magoar nenhum animal! Mini rolos de salsicha, assado e molho, tortas picantes, pudim de natal, vinho e espumante vegano, queijo, chocolate e doces. Lá se vai a minha habitual dieta vegana e crua.

Josie Georgia

 

 

“Comecei a mudança no final do ano passado e está precisamente a fazer um ano que nesta fase andava em workshops para aprender não só a cozinhar, mas também a ajustar a esta época festiva.
Foi gratificante com quem me cruzei porque me motivaram a continuar e a perceber que este é um caminho bem mais fácil do que o que se pode imaginar, embora ainda continuo a ouvir “não tenho tempo, isso são comidas muito elaboradas”.
Gostava que este ano não houvesse o bacalhau na mesa, mas vai haver, para a minha avó e restante familiares rendidos ao “tradicional”, mas vou também fazer opção vegetariana e as sobremesas. Sinto que não os posso obrigar, mas se lhes apresentar alternativa e demonstrar que é possível fico feliz e agradecida por quererem também provar e respeitarem também a minha opção. Para mim a felicidade também é isto… respeitarmos as escolhas de cada um.”

Andreia Carvalheiro

 

Muito grata a todos os que se disponibilizaram para partilhar a sua experiência! A parte 2 deste artigo está aqui!

Se quiseres entrar no nosso grupo de conversa e de partilha de informação sobre estilo de vida saudável e alimentação vegetariana, adere aqui.

Feliz Natal!!!

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Artigos relacionados

Digite acima o seu termo de pesquisa e prima Enter para pesquisar. Prima ESC para cancelar.

Voltar ao topo
%d bloggers like this: